Cozinheira morre após explosão de panela de pressão, no DF

Uma mulher de 34 anos de idade morreu na manhã deste domingo (8) em Ceilândia, região administrativa do Distrito Federal, após uma panela de pressão explodir enquanto ela cozinhava no restaurante em que trabalhava.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros Militar do DF, a mulher teve parada cardiorrespiratória (PCR) e foi encontrada com ferimentos na região da cabeça, aparentando traumatismo craniano grave.

A mulher foi prontamente atendida por socorristas, que fizeram manobras de massagem cardiopulmonar por 55 minutos. Contudo, ela não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no restaurante.

Além da cozinheira, duas mulheres estavam na cozinha do restaurante no momento da explosão. Contudo, nenhuma delas se machucou. Ambas foram atendidas e avaliadas pela equipe do Corpo de Bombeiros, “apresentando forte abalo emocional”, segundo a corporação. No entanto, elas não precisaram de transporte ao hospital.

Após o socorro dos bombeiros, a Polícia Civil foi acionada para fazer a perícia no restaurante. Até o momento, não há informações sobre a dinâmica da explosão.