Umidade deve cair a menos de 10% em Goiânia no mês de setembro, menor índice do ano

A umidade relativa do ar na capital deve cair ainda mais e atingir percentual abaixo dos 10% no mês de setembro. Caso ocorra, resultado vai superar o menor índice registrado neste ano em Goiás. É o que aponta a previsão de André Amorim, gerente do Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas do Estado de Goiás (Cimehgo).

A massa de ar seco manterá o céu claro e o tempo estável com a umidade baixa principalmente em Goiânia, Aragarças, Cidade de Goiás, São Miguel do Araguaia e região metropolitana da capital ao longo do mês de setembro. Nessa semana, as temperaturas devem ficar mais baixas no período da manhã e aumentar ao longo do dia ficando em torno dos 30ºC a 35ºC.

Na segunda-feira (29), o município de Aragarças registrou a maior temperatura do ano no Estado com 37,5ºC. Essa onda de calor provoca preocupações com o meio ambiente, em razão de queimadas e baixos níveis dos reservatórios.

Maiores temperaturas de 2022

  • Aragarças – 29/08/22 – 38,8º
  • Catalão – 17/08/22 – 34,0º
  • Formosa – 10/04/22 – 32,5º
  • Goiânia – – 29/08/22 – 36,6º
  • Ipameri – 17/08/22 – 33,7º
  • Jataí – 27/08/22 – 36,1º
  • Pirenópolis – 06/08/22 – 35,5º
  • Posse – 09/04/22 – 34,2º
  • Rio Verde- 07/08/22 – 33,9º

Chuva no feriado

Segundo André, há uma possibilidade de chuva para o ferido da Independência do Brasil com a chegada de uma frente fria que atingirá as regiões Sul e Sudoeste de Goiás. As pancadas, porém, devem ser breves. Vale ressaltar que Goiás está sem chuvas há mais de 100 dias.

Previsão para quarta (31)

Para quarta-feira (31), a previsão para Goiânia é de tempo estável com predominância de sol, temperatura máxima de 33ºC e umidade relativa do ar por volta dos 15%.